Consultas e informações

Central de
atendimento:
(71) 3082-3611

Teste Farmacogenético

Realizamos o Teste Farmacogenético do Sistema Nervoso Central do laboratório GnTech.

O procedimento ajuda a identificar qual seria o tratamento medicamentoso mais adequado para cada paciente, de acordo com as características genéticas e especificidades do indivíduo.  O resultado prevê, entre outras coisas, se o medicamento prescrito pode causar reações adversas, além da dosagem mais adequada.

Este é um recurso da chamada “medicina personalizada”, que implica em conhecer características genéticas que influenciam a maneira pela qual cada pessoa reage aos medicamentos.

O exame GnTech – Sistema Nervoso Central é dirigido às pessoas com diagnóstico de depressão, TDAH, transtorno bipolar, transtorno de ansiedade, síndrome do pânico, transtorno de estresse pós-traumático e esquizofrenia.

A coleta do material é realiza na própria Holiste (Pituaçu), em um rápido procedimento ambulatorial e enviado para o laboratório central.

SAIBA MAIS SOBRE MEDICINA PERSONALIZADA NA PSIQUIATRIA

 

Veja ao vídeo do teste farmacogenético da GnTech

 

INDICAÇÃO

  • Pacientes que não respondem aos tratamentos ou apresentam efeitos colaterais intensos
  • Pessoas que fazem uso de vários outros remédios (evitando associações medicamentosas não desejadas)

 

COMO É FEITO O TESTE

  1. Amostra de saliva é coletada na Holiste (Atenção: Não consuma alimentos, café, cigarro, chiclete ou escove os dentes 30 minutos antes da coleta);
  2. O material é enviado para o laboratório, onde é submetido ao sequenciamento genético. São analisados 79 medicamentos e 25 genes individuais;
  3. Um laudo é enviado para o solicitante.

O resultado desta análise aponta quais medicamentos são os mais indicados para cada pessoa, aqueles que não terão o efeito esperado, assim como os quais devem ter suas doses alteradas ou serem ministrados com maior atenção. Com essas informações, o médico consegue apontar com maior precisão o tratamento medicamentoso que terá maior eficácia com menos efeitos colaterais

 

SOBRE A FARMACOGENÉTICA

Algumas diferenças genéticas também podem afetar a forma que o indivíduo metaboliza o medicamento, sua resposta biológica, tanto em relação a sua eficácia quanto em relação a ocorrência de efeitos colaterais.  O campo da farmacogenômica explica como indivíduos respondem diferentemente a certas medicações devido a variações em suas características genéticas.

O Teste Farmacogenético diminui tanto o impacto da doença na vida do paciente, quanto os custos do tratamento. Ela ajuda o médico a selecionar a melhor estratégia terapêutica para cada paciente de forma personalizada, permitindo uma maior qualidade de vida para o paciente com o aumento da confiabilidade na escolha do tratamento.

 

GNTECH

Fundado em 2012 em Florianópolis/SC, o GnTech é um laboratório de genética e bioinformática que realiza exames de alta qualidade e precisão, provenientes do sequenciamento do genoma humano, com o propósito de aumentar a qualidade de vida das pessoas e tornar os tratamentos médicos mais eficientes.

Inscreva-se para receber conteúdo sobre Psiquiatria e Saúde Mental

Cadastrar